HALACHÓT DE TISHÁ BEAV 2019

 

Introdução

 

  • Neste ano, o jejum de 9 de av cai no sábado à noite dia 10/08, iniciando-se no pôr do sol de sábado às 17:34h. Isto significa que antes do término do shabat já não podemos mais comer!

  • O jejum vai até domingo a noite 11/08 as 17:56h.

  • A terceira refeição do shabat (seudá shlishit) pode ser feita com carne e vinho, com músicas e palavras de torá, pois não há luto no shabat. Porém, temos que parar de comer antes do pôr do sol.

  • Após o birkat hamazon, ainda podemos comer e beber até o pôr do sol, a não ser que já tenhamos recebido o jejum verbalmente (há sábios que dizem que até mesmo com a intenção já se recebe o jejum).

  • Após o término do shabat, devemos tirar nossos sapatos de couro e nossas roupas de shabat.

 

Pessoas isentas de fazer o jejum:

 

  • Doentes que deveriam estar de cama devido ao seu estado geral de saúde, mesmo que estejam se esforçando para andar, estão isentos do jejum.

  • Crianças também estão isentas, porém, a partir de 9 anos, costumamos educá-las a fazer o jejum por algumas horas.

  • Mesmo que a pessoa esteja isenta do jejum, não deve comer comidas gostosas.

  • Aquele que necessita comer no meio do jejum, deve fazer havdalá sem bessamim, com cerveja, e pode ter intenção de que a havdalá sirva também para seus familiares.

 

Proibições sobre dia do jejum:

 

  • Maquiagens, perfumes e cosméticos em geral estão proibidos. Porém, desodorante para evitar o mal cheiro do suor é permitido.

  • Não podemos nos lavar ou tomar banho. Até mesmo a netilat yadaim deve ser feita somente até o final de nossos dedos e não na mão toda.

  • Existem alguns casos nos quais se pode lavar as mãos todas: os cohanim antes de birkat cohanim; quem, por motivo de doença, não está jejuando e quer comer pão; se a mão se sujou por algum motivo; e aquele que está preparando a comida para o final do jejum, se for necessário lavar algum alimento ou utensílio.

  • Não é permitido usar sapatos de couro. Também costumamos educar nossos filhos neste mandamento, mesmo que sejam pequenos.

  • É proibido fazer consertos em nossas roupas, casas, aparelhos elétricos e outros.

  • Não devemos arrumar nossas camas, varrer o chão, lavar pratos e panelas e nem preparar comida – isto até o meio dia.

  • É proibido ter relações conjugais.

  • É proibido estudar torá, pois ela alegra a alma do iehudi. Porém, podemos estudar algo ligado a coisas tristes, à destruição do Beit Hamikdash, ou ler livros que nos despertem a fazer teshuvá. Ler salmos é como estudar torá.

  • Não devemos ler jornais, livros de história, ciências e outras sabedorias.

  • Não devemos passear, até mesmo na rua.

  • Não devemos cumprimentar nossos amigos com shalom ou bom dia. Se uma pessoa não souber e vier nos cumprimentar, devemos responder para não envergonhá-la, porém, em tom baixo e sério.

  • É costume dormirmos de forma diferente, um pouco menos confortável. Se normalmente usamos dois travesseiros, devemos usar somente um; se normalmente usamos um, devemos dormir sem. Há quem costume colocar o colchão no chão.

  • Para mostrarmos o luto por Jerusalém, não devemos sentar em cadeiras ou sofás, mas sim, em algo baixo, com menos de 30cm (só até o meio dia de 9 de av). Pessoas com dificuldades podem sentar normalmente.

  • Quem estiver no carro ou ônibus também pode sentar normalmente.

  • É correto não fumar, porém, existem idéias que permitem.

 

Diferenças na reza:

 

  • No shabat anterior não falamos "tsidkatechá".

  • Devemos fazer a brachá da vela da havdalá antes da leitura de "Meguilat Eichá" e a havdalá em si, somente fazemos com o fim de 9 de av, sem bessamim e começando com "borê peri haguefen".

  • Em arvit, na noite de 9 de av, falamos "atá chonantanu" como em todo final de shabat.

  • Nas birkot hashachar, não se costuma recitar a brachá "sheassá li kol tsorki".

  • Tira-se a parochet do aron hakodesh, devolvendo-a em minchá e acende-se velas para ler as kinot.

  • Colocamos talit e tefilin somente em minchá.

  • Os ashkenazim costumam falar "anenu" e "nachem" na amidá de minchá (sefaradim: em todas as tefilót).

  • Não se fala tachanun, selichot ou avinu malkeinu.

  • Em shacharit não há birkat cohanim.

 

Após 9 de av -10 de av:

 

  • Após 9 de av, antes de comermos, devemos fazer havdalá, sem bessamim e sem vela.

  • Após 9 de av, apesar de já podermos comer, ainda é um dia triste, pois uma grande parte do nosso templo ainda estava em chamas. Assim, ainda mantemos alguns costumes de luto.

  • Além disso, no dia 10 de av (de domingo à noite até segunda à noite) não podemos comer carne nem beber vinho até o meio dia. Da mesma forma, não devemos tomar banho quente, cortar o cabelo, usar roupas limpas, ouvir música, etc – todas as proibições de antes de 9 de av. (sefaradim: não comem carne, nem bebem vinho até o final do dia, porém, podem tomar banho quente, usar roupas limpas, etc).

  • Caso o dia 9 de Av caia no shabat e o jejum tenha sido transferido para domingo, como acontece este ano (2019), neste caso, não se aplicam as leis de luto de domingo a noite e de segunda-feira. Muitas opiniões dizem que mesmo assim é correto não comer carne.

baitrio@gmail.com

(21) 2235-6516